⚡ Curiosidades, celebs, séries, músicas, cinema e muito mais!

+1 202 555 0180

Have a question, comment, or concern? Our dedicated team of experts is ready to hear and assist you. Reach us through our social media, phone, or live chat.

Netflix: veja como vai funcionar o compartilhamento de senha pago 9

Netflix: veja como vai funcionar o compartilhamento de senha pago

https://www.tecmundo.com.br/minha-serie/259974-netflix-veja-funcionar-compartilhamento-senha-pago.htm

A Netflix vem há algum tempo ameaçando cobrar de quem compartilha a senha do serviço, algo já testado em países como Chile e Peru. Agora, com o lançamento da novidade de forma global cada vez mais próximo, a empresa explicou como vai ser usar a plataforma fora de casa e outros detalhes da mudança.

Com a nova cobrança, a empresa vai impor uma taxa extra para quem compartilha a senha da Netflix com pessoas que vivem em outra residência. O objetivo é aumentar o número de assinaturas da plataforma a longo prazo, mesmo que alguns cancelamentos ocorram em um primeiro momento.

A empresa de streaming publicou uma atualização em suas perguntas frequentes (FAQ) explicando todas as novidades. Confira abaixo:

Como vai funcionar o compartilhamento de senha pago?

Primeiro, é preciso entender que a Netflix vai definir como sua casa o local conectado a um Wi-Fi principal, com conteúdo assistido pelo menos uma vez por mês. Segundo a empresa, pessoas que não vivem na mesma residência terão que ter contas separadas ou utilizar a nova função que traz uma cobrança extra.

Mesmo que o assinante tenha um plano multi-telas, os dispositivos reproduzindo o conteúdo da Netflix devem estar na mesma casa. A plataforma detecta as conexões através de informações como endereços IP, IDs de dispositivos e atividades da conta.

“Quando um dispositivo fora de sua residência faz login em uma conta ou é usado continuamente, podemos solicitar que você verifique esse dispositivo antes que ele possa ser usado para assistir à Netflix ou trocar de residência pela Netflix”, explica a companhia.

A Netflix também ressalta que não vai cobrar automaticamente o uso da plataforma em domicílios separados, mas vai bloquear o acesso ao verificar dois endereços diferentes.

Como usar a Netflix durante viagens?

O login de uma conta da Netflix em um dispositivo que não faz parte do local principal bloqueia a televisão, celular ou computador. Ao viajar ou ir para um lugar diferente, o usuário deve solicitar um código temporário de acesso por sete dias consecutivos.

“Se uma conta Netflix for usada por um dispositivo que não esteja associado à residência do proprietário da conta principal, o dispositivo precisará ser verificado antes de poder ser usado para assistir à Netflix”, revela a companhia.

A empresa também ressalta que pode fazer verificações adicionais nos dispositivos de tempos em tempos. O objetivo é garantir que todos os aparelhos possuem “autorização” para usar o serviço.

Preços da Netflix vão mudar?

O serviço tem, atualmente, três modalidades de assinatura. A mais barata faz parte do plano Básico com anúncios, por R$ 18,90, com resolução de 720p e uso em uma tela. O Padrão custa R$ 39,90, para duas telas com resolução 1080p. Por fim, há o plano Premium por R$ 55,90, que permite o uso em até cinco telas com imagens em 4K+HDR.

Com a chegada do compartilhamento de senha pago, os usuários que queiram dividir o mesmo plano terão que pagar um valor extra, assim não precisarão contratar um novo plano em uma conta separada. A empresa ainda não revelou quanto vai custar a taxa, mas estimativas do TecMundo apontam que o valor extra pode ficar em torno de R$ 10.

Enquanto a cobrança pelo compartilhamento de senha já está em testes, o objetivo da Netflix é lançar a novidade de forma abrangente ainda no primeiro trimestre de 2023, que termina em março. Para facilitar a vida de quem vai assinar um plano novo, a empresa lançou uma função para migrar perfis do serviço de streaming. 

Compartilhe essa notícia ✈️
0
Compartilhar
URL compartilhável
👀 Talvez você queira saber
0
Compartilhar