⚡ Curiosidades, celebs, séries, músicas, cinema e muito mais!

+1 202 555 0180

Have a question, comment, or concern? Our dedicated team of experts is ready to hear and assist you. Reach us through our social media, phone, or live chat.

Torturado ao vivo: o reality show no Japão que foi longe demais 9

Torturado ao vivo: o reality show no Japão que foi longe demais

O reality show japonês “Susunu! Denpa Shonen”, que significa aproximadamente “Não prossiga! Juventude louca”, marcou época entre 1998 e 2002 ao colocar os competidores em situações extremas para observar suas reações, chegando a serem “torturados”.

No entanto, um dos desafios mais infames do programa envolveu o comediante Tomoaki Hamatsu, também conhecido como Nasubi, que foi submetido a 15 meses de “tortura” que deixou os espectadores chocados e perturbados.

Onde a “tortura” começou:

O desafio começou quando Nasubi foi ordenado a se despir e foi deixado em um apartamento vazio, contendo apenas um banheiro e uma cozinha. O objetivo era testar a resistência e a capacidade de sobrevivência de Nasubi em condições cruéis, sem entretenimento, exceto por revistas com sorteios. Nasubi foi desafiado a arrecadar ¥ 1 milhão (cerca de R$ 37 mil) usando esses sorteios, que também eram a única maneira de ele se alimentar.

Torturado ao vivo: o reality show no Japão que foi longe demais 11

No início, ele recebeu um pequeno pedaço de pão para sobreviver por algumas semanas, após o qual teve que contar apenas com os sorteios. Embora a porta do apartamento não estivesse trancada, Nasubi afirmou que, se quisesse sair, teria que sair nu e pedir ajuda. No entanto, ele manteve sua palavra e perseverou, suportando 335 dias no apartamento antes de atingir a meta monetária.

Após a conquista, Nasubi foi recompensado com uma viagem à Coréia. No entanto, sua alegria foi efêmera, pois ele foi levado para outro apartamento e o desafio recomeçou. Desta vez, ele precisava arrecadar dinheiro para comprar um voo de volta para casa. O processo se repetiu por mais quatro meses, com os produtores aumentando a aposta ao exigir passagens de primeira classe em vez das normais. Nasubi, mais uma vez, levantou o dinheiro necessário para voar de volta para Tóquio.

Nasubi torturado ao-vivo em reality show no Japão

No entanto, o desfecho do desafio surpreendeu Nasubi. Ao retornar, ele foi colocado em um quarto que se parecia com os apartamentos anteriores, e começou a tirar a roupa, pensando que fazia parte do jogo. Mas, na verdade, ele estava em um camarote no palco do show, diante de uma plateia ao vivo. As paredes da caixa caíram, revelando Nasubi nu na frente de milhares de pessoas, encerrando o jogo.

Ao longo dos 15 meses, as ações de Nasubi foram transmitidas ao vivo pelo reality show, com gráficos e efeitos sonoros que zombavam dele. A experiência teve um impacto significativo na saúde mental e física de Nasubi, devido à falta de comida, comunicação externa e ao prolongado despojamento de suas roupas. Ele descreveu a experiência como “inferno” e afirmou que “preferia morrer” a se sentir assim novamente.

A vida de Nasubi após ser “torturado” ao vivo:

Após o show, Nasubi desapareceu dos olhos do público por algum tempo, mas agora ele publica regularmente em suas contas do Twitter e do YouTube. A história de sua experiência foi recentemente compartilhada por um usuário do TikTok, gerando reações de choque e simpatia, com muitos condenando o programa por suas práticas extremas e desumanas.

@sp0uk_

People choose money over well being. This is an example of it. #nasubi #sp0uk #gameshow #japan #japanese #japanesegameshow

♬ original sound – Spooky

Nasubi, apesar de sua provação, parece estar se recuperando e reconstruindo sua vida. A história continua a suscitar reflexões sobre os limites éticos dos reality shows e o preço muitas vezes alto que alguns participantes pagam em busca da fama e da fortuna.

Nasubi torturado ao-vivo em reality show no Japão

Assista a um vídeo sobre a história do reality show:

Fonte

Compartilhe essa notícia ✈️
0
Compartilhar
URL compartilhável
👀 Talvez você queira saber
0
Compartilhar