in ,

AmeiAmei AINAIN AFFAFF KKKKKK GRRGRR

Elon Musk quer monetizar posts do Twitter; entenda

venda do Twitter para Elon Musk pode resultar em várias mudanças na rede social, como tornar a moderação de conteúdo mais branda e permitir a edição dos tweets. Em discurso aos credores, o bilionário revelou novos detalhes dos seus planos para a plataforma, conforme relata a Reuters nesta sexta-feira (29).

Na conversa, realizada quando o CEO da Tesla tentava convencer os bancos a lhe emprestarem parte do dinheiro necessário para comprar o microblog, ele precisou explicar como arrecadará fundos para quitar o financiamento. Uma das formas de incrementar os ganhos seria a monetização de tweets.

Fontes disseram à agência de notícias que Musk quer ganhar dinheiro em cima de tweets virais e postagens com conteúdos de grande relevância. Neste sentido, poderia haver a cobrança de taxa dos sites que citarem ou incorporarem tweets de contas verificadas.

Tweets virais e com conteúdos importantes poderão render grana para a rede social, futuramente.

Outra ideia mencionada pelo novo dono do Twitter durante o encontro foi a possibilidade de reduzir salários dos diretores da rede social, algo que ele também já havia comentado em um dos seus tweets. Com esses cortes de gastos, a companhia conseguiria economizar pelo menos US$ 3 milhões logo de cara.

Mais mudanças comentadas por Musk

Para economizar em seu novo negócio, o homem mais rico do mundo estaria disposto a reduzir o número de empregados, como informou aos credores. Porém, ele não deve tomar qualquer decisão em relação ao corte de empregos até assumir completamente a propriedade do microblog, após aprovação das autoridades reguladoras.

Alterações na administração da companhia também devem ser implementadas pelo novo gestor, segundo as fontes. Ele teria dito ao presidente do conselho do Twitter, Bret Taylor, que não confia nos atuais executivos, ou seja, pode sobrar para o CEO do microblog, Parag Agrawal, cujo cargo deverá ser mantido somente até a conclusão do negócio.

O serviço de assinatura Twitter Blue é outro ponto que estaria entre os alvos de Musk. Em mensagens publicadas no início de abril, já deletadas, ele sugeriu a redução do preço cobrado e a opção de pagamento em dogecoin, entre outras mudanças, além de ter afirmado que pretende reduzir a dependência de publicidade, com novas maneiras de ganhar dinheiro pela empresa adquirida.