⚡ Curiosidades, celebs, séries, músicas, cinema e muito mais!

+1 202 555 0180

Have a question, comment, or concern? Our dedicated team of experts is ready to hear and assist you. Reach us through our social media, phone, or live chat.

Trabalhadores dos Correios anunciam greve na véspera da Black Friday 13

Trabalhadores dos Correios anunciam greve na véspera da Black Friday

Os sindicatos dos Correios das cidades de São Paulo e Bauru (SP) e dos Estados do Rio de Janeiro, Tocantins e Maranhão, representados pela federação Findect, anunciaram nesta quarta-feira uma decisão que impactará diretamente o serviço postal brasileiro.

A partir de 23 de novembro, véspera da Black Friday, os trabalhadores dessas regiões entrarão em greve por tempo indeterminado. Essa medida foi tomada em resposta à recusa dos Correios em resolver questões cruciais relacionadas à assinatura de um acordo coletivo.

A Findect, que representa esses sindicatos, destacou que a paralisação afetará aproximadamente “40% do efetivo nacional da empresa e 60% do fluxo postal do país”. Em um comunicado à imprensa, a federação apontou como ponto crucial da discordância a não incorporação de 250 reais ao salário base, considerada uma afronta direta aos trabalhadores e em contradição ao que foi negociado na mesa de negociação coletiva.

“A proposta de pagamento desse montante em ‘passos’ não apresenta benefícios concretos e coloca em risco a estabilidade financeira da categoria”, ressaltou a Findect. Além disso, a entidade citou a não realização de concurso público pelos Correios como uma preocupação adicional, contribuindo para a insatisfação dos trabalhadores.

A empresa dos Correios, procurada para comentar sobre a situação, ainda não se manifestou sobre o assunto até o momento.

Outro ponto levantado pela Findect é a iminente tributação sobre uma bonificação combinada em janeiro entre empresa e sindicatos, no valor de 1.500 reais. A federação alerta que essa tributação representa um sério risco de redução substancial desses valores, agravando ainda mais os prejuízos para os trabalhadores.

A paralisação anunciada às vésperas da Black Friday levanta preocupações sobre possíveis impactos nas entregas de produtos, já que esse período é conhecido por uma intensificação nas transações comerciais. Consumidores, empresas e o setor de e-commerce como um todo estarão atentos ao desdobramento dessa greve e às negociações entre os sindicatos e os Correios nos próximos dias.

Compartilhe essa notícia ✈️
0
Compartilhar
URL compartilhável
👀 Talvez você queira saber
0
Compartilhar