⚡ Curiosidades, celebs, séries, músicas, cinema e muito mais!

+1 202 555 0180

Have a question, comment, or concern? Our dedicated team of experts is ready to hear and assist you. Reach us through our social media, phone, or live chat.

Kanye West se compara a Jesus Cristo e Hitler em novo vídeo 9

Kanye West se compara a Jesus Cristo e Hitler em novo vídeo

Na última quinta-feira, os holofotes voltaram-se para Kanye West durante a audição do aguardado álbum “Vultures“, em parceria com Ty Dolla Sign. O evento, intitulado “rave Vultures”, ocorreu em Las Vegas, mas teve um desfecho inusitado quando a polícia interveio, barrando a continuidade da festa. Ye, Ty Dolla e seus amigos, no entanto, não deixaram que isso os impedisse de continuar a celebração, transferindo a festa para uma casa e transmitindo tudo ao vivo no Instagram pela conta de YesJulz.

Ao final da apresentação, Kanye West reservou um momento para um discurso acalorado, abordando temas sensíveis e criticando personalidades como Drake, Jay-Z, Adidas e outros, alegando falta de apoio no ano anterior. O rapper também lançou críticas direcionadas aos “manos judeus” e expressou o desejo de “dar um tapa em Mike Rubin”.

“Vocês deixaram a Adidas arruinar o negro mais rico de todos os tempos. Eu postei um tweet. Aí, Ari Emanuel disse, ‘Ah, temos que largar esse mano’, e todos vocês só assistiram”, declarou West. O rapper enfatizou sua insatisfação com o tratamento dispensado por empresas e colegas da indústria da música.

“Esses caras ficam por aí perto desses manos só pelo dinheiro, tipo o Mike Rubin. Eu dava um tapa na cara do Mike Rubin se eu visse esse mano, cara. Você entende o que estou dizendo? Cara, f***-se esses manos. Estou na vibe do Farrakhan agora, mano. Porque, adivinha? Esses Yeezys vão vender. Eles sabotaram o show hoje, sabotaram o Instagram. Eles cortaram o contrato com a Adidas, mano. Aí eles querem ir atrás de um Kanye mais claro. Você entende o que estou dizendo?”

Num momento ainda mais controverso, West comparou sua experiência a figuras históricas como Jesus Cristo e Hitler. Em outro trecho, ele afirma que foi perseguido ‘como Jesus Cristo e Hitler’.

O discurso, que foi transmitido ao vivo por YesJulz no X (anteriormente conhecido como Twitter), gerou reações diversas nas redes sociais, levando os fãs e críticos a debaterem as palavras do rapper.

O evento Vultures em Las Vegas e o discurso incisivo de Kanye West continuam a ser temas quentes de discussão, repercutindo não apenas no universo da música, mas também na esfera social e cultural. Resta aguardar para ver como essas declarações impactarão a carreira e a imagem pública do controverso artista.

Compartilhe essa notícia ✈️
0
Compartilhar
URL compartilhável
👀 Talvez você queira saber
0
Compartilhar