in

VÍDEO: Professora bolsonarista faz saudação nazista para alunos durante aula

Uma professora de redação do Colégio Sagrada Família, de Ponta Grossa (PR), identificada como Josete, foi filmada pelos alunos neste sábado (8), fazendo um gesto de saudação nazista durante a aula.

A professora, que também foi fotografada usando bottons de apoio ao presidente Jair Bolsonaro (PL), dá aula na escola há mais de dez anos, de acordo com informação da direção, e nunca deu problema algum deste tipo.

Escola condena atitude

A Fórum conversou com Irmã Edites, diretora da escola. Ela afirmou que a atitude da professora não segue a orientação dada pela escola. “Eu soube desse fato ontem e tomei as medidas internamente. Não é a nossa metodologia e nem o nosso jeito de ser. Nós sempre procuramos ficar neutros e é esta a orientação que a escola passa aos alunos, pais e professores. A posição da escola é totalmente contrária ao que aconteceu”, afirmou a Irmã.

“Com certeza foi um ato de imprudência da professora e a escola já tomou as primeiras medidas internas com ela dentro do que diz o nosso regimento”, concluiu.

A escola não revelou qual será a punição atribuída à professora.

O Colégio Sagrada Família é uma instituição católica pertencente a congregação das Irmãs da Sagrada Família de Maria. Sua sede está localizada na cidade de Ponta Grossa, no Paraná.

Apologia ao nazismo é crime

A apologia do nazismo se enquadra na Lei 7.716/1989, segundo a qual é crime:

  • Praticar, induzir ou incitar a discriminação ou preconceito de raça, cor, etnia, religião ou procedência nacional. Pena: reclusão de um a três anos e multa – ou reclusão de dois a cinco anos e multa se o crime foi cometido em publicações ou meios de comunicação social.
  • Fabricar, comercializar, distribuir ou veicular símbolos, emblemas, ornamentos, distintivos ou propaganda que utilizem a cruz suástica ou gamada, para fins de divulgação do nazismo. Pena: reclusão de dois a cinco anos e multa.

Essa lei é respaldada pela própria Constituição, que classifica o racismo como crime inafiançável e imprescritível. Isso significa que o racismo pode ser julgado e sentenciado a qualquer momento, não importando quanto tempo já se passou desde a conduta.