in

Polícia emite alerta para possível serial killer na Califórnia

A polícia procura um suspeito identificado como assassino em série que já deixou ao menos cinco mortos em uma pequena cidade da Califórnia, informaram as autoridades nesta quarta-feira (5).

Em menos de três meses, cinco pessoas foram baleadas durante a noite ou madrugada em Stockton, cidade de cerca de 310.000 habitantes, e os detetives suspeitam que outros assassinato em uma cidade vizinha possam estar ligados a esses casos.

“Definitivamente atende à definição de assassinatos em série”, disse à AFP o policial Joe Silva, da Polícia de Stockton.

“Estamos tentando descobrir se se trata de uma ou várias pessoas que estão cometendo esses crimes”, detalhou. 

Silva explicou que todas as vítimas, registradas entre 8 de julho e 27 de setembro, apresentam os mesmos critérios balísticos, e foram assassinadas em lugares escuros.

Mas evitou especificar que tipo de arma foi usada ou que evidências foram encontradas nas cenas dos crimes para preservar a investigação que mobiliza as autoridades de várias forças de segurança pública.

O oficial explicou que estão analisando uma possível conexão com o caso de uma mulher negra que sobreviveu após ser baleada, em abril do ano passado, em Oakland, cerca de 80 quilômetros a oeste.

Além disso, autoridades de ambas as cidades também coordenam esforços para determinar se há uma conexão entre os casos e o assassinato de um homem em Oakland, em abril de 2021, informou a polícia desta cidade.

A polícia de Stockton divulgou em suas redes sociais um vídeo de uma câmera de segurança que mostra um homem, de costas, vestindo roupas escuras e mancando levemente, “na esperança de que alguém o reconheça”. Ele é classificado como pessoa de interesse.

De acordo com com Silva, esta pessoa foi vista vários vídeos de segurança em locais  próximos às áreas onde ocorreram os assassinatos.

Os crimes deixaram a comunidade de Stockton “muito preocupada”, disse Silva.

A polícia aumentou as patrulhas nas ruas à noite e madrugadas, e pedem aos moradores que evitem áreas mal iluminadas e não andem pelas ruas sozinhos após o pôr do sol.

“Pedimos aos cidadãos que fiquem atentos”, disse Silva.

A polícia oferece uma recompensa de 125 mil dólares para quem oferecer informações que levem à captura do responsável por esses crimes. Atualmente recebe cerca de cem pistas por dia, que estão sendo analisadas.