⚡ Curiosidades, celebs, séries, músicas, cinema e muito mais!

+1 202 555 0180

Have a question, comment, or concern? Our dedicated team of experts is ready to hear and assist you. Reach us through our social media, phone, or live chat.

'Pode ser amanhã, daqui a seis meses ou nunca', diz Flávio Bolsonaro sobre data de retorno do pai ao Brasil 9

'Pode ser amanhã, daqui a seis meses ou nunca', diz Flávio Bolsonaro sobre data de retorno do pai ao Brasil

https://extra.globo.com/noticias/brasil/pode-ser-amanha-daqui-seis-meses-ou-nunca-diz-flavio-bolsonaro-sobre-data-de-retorno-do-pai-ao-brasil-25651684.html

O senador Flávio Bolsonaro (PL-RJ) afirmou neste sábado que não há uma previsão de retorno do ex-presidente Jair Bolsonaro ao Brasil. Ele está nos Estados Unidos desde o dia 31 de dezembro, após um longo período de reclusão no Palácio da Alvorada em razão da derrota nas eleições presidenciais.

— Não tem previsão, ele que sabe. Pode ser amanhã, pode ser daqui a seis meses, pode não voltar nunca, não sei. Ele esta desopilando. Você nunca tirou férias, não?

Flávio participou neste sábado de evento em que o PP e o Republicanos oficializaram o apoio à candidatura do ex-ministro Rogério Marinho (PL-RN) à presidência do Senado.

Questionado se o presidente está sozinho, o senador afirmou não ter conhecimento das pessoas que estão com o pai, mas que “com certeza são pessoas próximas a ele”.

Flávio disse ainda que não há nenhum temor acerca do retorno de Bolsonaro ao Brasil e possíveis responsabilizações judiciais. Bolsonaro é alvo de uma série de inquéritos do Supremo Tribunal Federal (STF) e no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), inclusive acerca dos constantes questionamentos sobre a confiabilidade do sistema eleitoral.

— Não tem temor nenhum. Ele não tem nenhuma responsabilidade sobre o que aconteceu no Brasil. Se ele estivesse sentado na cadeira de presidente poderia falar que ele facilitou alguma coisa….

Sobre os inquéritos, o senador afirma que a equipe jurídica não identificou “nada” que implique “juridicamente” o ex-presidente e que não cabe ao poder judiciário “fazer um julgamento político”.

— Os advogados estão olhando tecnicamente, o retorno que tem é que não há nada juridicamente que implique o presidente Bolsonaro. Agora, o poder judiciário não é lugar de fazer julgamento político. Acho que ele está com muita tranquilidade porque sabe que não tem como, ainda que forcem muito uma barra, não tem como vincular Bolsonaro a nenhum ato criminoso.

Flávio ainda afirmou que Bolsonaro está “tranquilo” em relação aos inquéritos.

— O presidente está com muita tranquilidade, porque sabe que ainda que force muito uma barra, não tem como vincular Bolsonaro a nenhum ato criminoso — afirmou, completando: — O presidente está muito tranquilo, acompanhando à distância as coisas que estão acontecendo no Brasil, absolutamente com a consciência tranquila de que deu o seu melhor pelo Brasil

Sobre a saúde do ex-presidente, Flávio afirmou que “está bem” e que houve um “contratempo”. O senador, no entanto, não soube dizer se uma nova cirurgia será necessária.

— A saúde dele está bem, ele teve um contratempo há poucos dias — afirmou, completando: — Eu não sei dizer se ele vai precisar fazer uma nova cirurgia, mas acredito até que sim, porque pelo que aconteceu lá, tem algum problema no intestino de novo que talvez seja necessário uma cirurgia para reparar pelo menos por algum tempo sem precisar de intervenção.

Bolsonaro precisou ser internado em um hospital nos Estados Unidos após sentir fortes dores abdominais. O cirurgião Antonio Luiz Macedo, que acompanha Bolsonaro desde que ele foi alvo de uma facada durante ato da campanha eleitoral de 2018, em Juiz de Fora (MG), levantou a possibilidade de uma nova cirurgia.

Compartilhe essa notícia ✈️
0
Compartilhar
URL compartilhável
👀 Talvez você queira saber
0
Compartilhar