⚡ Curiosidades, celebs, séries, músicas, cinema e muito mais!

+1 202 555 0180

Have a question, comment, or concern? Our dedicated team of experts is ready to hear and assist you. Reach us through our social media, phone, or live chat.

Onda de Calor Extrema no Brasil: Como se Proteger e Entender as Causas 13

Onda de Calor Extrema no Brasil: Como se Proteger e Entender as Causas

Na última semana do inverno, o Brasil está prestes a enfrentar uma onda de calor excepcional que está prestes a varrer vários estados do país. As temperaturas devem subir consideravelmente, chegando a níveis impressionantes, com previsão de até 45 ºC em algumas regiões. Este calor extremo pode representar riscos significativos para a saúde, tornando crucial que as pessoas estejam preparadas e cientes dos perigos.

Qual temperatura é “muito quente” para o corpo humano funcionar?

A temperatura ideal para o funcionamento eficiente do corpo humano é geralmente considerada em torno de 20 a 22 ºC. Temperaturas muito mais altas podem levar a uma série de problemas de saúde, incluindo insolação, desidratação e até mesmo complicações cardiovasculares.

Como as temperaturas extremas aumentam o risco de AVC

Temperaturas extremamente altas, como as previstas nesta onda de calor, podem aumentar significativamente o risco de Acidente Vascular Cerebral (AVC). O calor excessivo pode elevar a pressão arterial e afetar a circulação sanguínea, tornando as pessoas mais suscetíveis a problemas cardiovasculares. Portanto, é fundamental tomar precauções para proteger a saúde durante esse período.

Causas da Onda de Calor

A bolha de calor, também conhecida como domo de calor ou cúpula de calor, é o fenômeno responsável por esse calor extremo. Ela se forma quando uma área de alta pressão fica estacionária sobre uma região por dias ou até semanas, aprisionando o ar quente abaixo dela. É uma situação semelhante a uma panela com a tampa fechada. No caso dessa onda de calor no Brasil, o epicentro desse fenômeno está entre o Paraguai e o Centro-Oeste do país.

Devido a essa bolha de calor, as nuvens se dissipam, permitindo que o sol aqueça ainda mais o solo. Isso intensifica o fenômeno, que se assemelha a uma panela fervendo.

Estados Afetados pela Onda de Calor

Pelo menos 14 estados brasileiros estão previstos para sofrer com temperaturas próximas ou acima de 40 ºC nesta semana, devido à influência da massa de ar quente. Esses estados incluem Paraná, Mato Grosso do Sul, São Paulo, Mato Grosso, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Goiás, Distrito Federal, Rondônia, Amazonas, Pará, Tocantins, Bahia, Piauí e Maranhão.

Mato Grosso e Mato Grosso do Sul devem ser particularmente afetados, com temperaturas atingindo possivelmente entre 43 ºC e 45 ºC, especialmente nas áreas próximas à fronteira com o Paraguai.

Como Proteger a Saúde durante a Onda de Calor

Com as temperaturas extremas previstas, é vital adotar medidas para proteger a saúde:

  1. Hidratação: Manter-se hidratado é essencial. Beba muita água, evite álcool e cafeína, que podem levar à desidratação.
  2. Evitar Exposição ao Sol: Se possível, evite atividades ao ar livre durante os picos de calor, especialmente entre 10h e 16h, quando o sol está mais forte.
  3. Umidificação do Ambiente: Devido à baixa umidade relativa do ar na maioria dos estados afetados, o uso de umidificadores ou bacias com água e toalhas molhadas pode ajudar a tornar o ambiente mais confortável.
  4. Proteção para Animais de Estimação: Não se esqueça de cuidar de seus animais de estimação durante o calor extremo. Forneça água fresca e sombra para eles.

Esta onda de calor excepcional é um lembrete da importância de estar preparado para eventos climáticos extremos e tomar medidas para proteger a saúde e o bem-estar pessoal e dos animais de estimação. Com atenção e cuidado, podemos minimizar os riscos associados a essas condições climáticas adversas.

Compartilhe essa notícia ✈️
0
Compartilhar
URL compartilhável
👀 Talvez você queira saber
0
Compartilhar