in

National Geographic vai filmar os bastidores do retorno da humanidade à Lua

Enquanto o mundo aguarda ansiosamente a volta da humanidade à Lua, através do Progama Artemis, a NASA se prepara para documentar esta experiência e compartilhá-la com o público. Para isto, a agência espacial firmou um acordo com o National Geographic para narrar a história da missão Artemis II, que será o primeiro voo do programa a levar astronautas a uma viagem ao redor de nosso satélite natural.

A notícia foi divulgada pela NASA após um longo processo seletivo. Por fim, a agência elegeu o National Geographic para colaborar com o desenvolvimento de um sistema audiovisual leve e compacto, além de um suporte para o projeto. “Estamos trazendo parceiros e tecnologias que criarão oportunidades adicionais para o mundo compartilhar a experiência com nossos astronautas”, disse Kathy Lueders, administradora associada da Diretoria de Missão de Operações Espaciais.

No final de 2020, a NASA anunciou a procura de parceiros para ajudar a agência a contar a história da exploração humana na Lua através do Programa Artemis. O National Geographic se propôs a utilizar o conteúdo capturado durante a missão para desenvolver uma extensa campanha de divulgação a partir de várias plataformas e meios de comunicação para o público em geral.

Com a parceria agora firmada, a empresa de mídia pretende favorecer seu acervo midiático, incluindo revistas, conteúdo social e digital — e, claro, uma programação televisa. O projeto também parece incluir recursos adicionais para criar uma experiência imersiva da Artemis II. A missão levará uma tripulação a bordo da espaçonave Orion para uma viagem ao redor da Lua, preparando o caminho da missão seguinte do Programa Artemis, que tem como objetivo levar a primeira mulher e a primeira pessoa negra à superfície do nosso satélite natural. Isso está previsto para acontecer em 2024.

Mas, antes da primeira missão tripulada, acontecerá a missão Artemis I, a qual será um voo de teste que lançará a nave Orion através do foguete Space Launch System (SLS), sem tripulação. Nessa viagem, a NASA enviará dois manequins para obter dados importantes sobre o que seus astronautas poderão experimentar durante os voos do programa. Segundo a agência, este lançamento pode acontecer em fevereiro de 2022.

Fonte: NASA