⚡ Curiosidades, celebs, séries, músicas, cinema e muito mais!

+1 202 555 0180

Have a question, comment, or concern? Our dedicated team of experts is ready to hear and assist you. Reach us through our social media, phone, or live chat.

Modelo quase morre ao posar seminua numa temperatura de -22 graus 13

Modelo quase morre ao posar seminua numa temperatura de -22 graus

Na busca por um feito ousado, a modelo brasileira Cris Galera enfrentou temperaturas extremas na cidade costeira de Grindavik, na Islândia, pleiteando um registro no Guinness Book. A ousadia aconteceu no último dia 6 de janeiro, quando a corajosa modelo, de 36 anos, decidiu posar seminua em meio a uma temperatura de 22 graus negativos.

A escolha do local não foi por acaso. Grindavik, conhecida por ter sua população evacuada devido ao risco de erupção vulcânica, ainda atrai turistas que buscam experiências únicas. No entanto, a decisão de Cris Galera de encarar o frio extremo teve suas consequências.

Modelo quase morre ao posar seminua numa temperatura de -22 graus 15

A modelo, que pretendia ficar completamente nua, teve que se contentar com um topless devido às adversidades climáticas. Sua ousadia chamou a atenção não apenas dos espectadores, mas também das autoridades locais. Patrulhando a região, policiais abordaram Cris, preocupados com sua segurança diante das condições climáticas adversas.

Os efeitos da exposição ao frio não demoraram a se manifestar. Cris Galera, após a sessão de fotos, começou a sentir tremores e dormência nas mãos, sintomas claros de hipotermia. Levada às pressas a um hospital local, a modelo foi submetida a tratamentos com compressas de água quente para reverter os efeitos do frio intenso.

Apesar dos riscos enfrentados, Cris Galera não se arrepende de sua audaciosa empreitada. “Foi um desafio e corri risco de vida, pois estava congelando. A nudez está no meu sangue, mas foi um risco que valeu a pena”, afirmou a modelo. Após receber alta hospitalar, ela seguiu as orientações médicas, recolhendo-se em um hotel em Reykjavik, a capital islandesa, para continuar o tratamento.

A viagem de Cris estava programada meses antes das notícias sobre a ameaça de erupção vulcânica se espalharem. Mesmo diante dos alertas das autoridades para reconsiderar a viagem, a modelo demonstrou coragem e determinação ao prosseguir com seus planos.

Cris Galera já deu entrada no Guinness Book, solicitando o reconhecimento de seu recorde. Agora, resta aguardar a decisão da renomada instituição para saber se a modelo brasileira entrará para a história como a corajosa mulher que desafiou o frio extremo em busca da marca de posar seminua na temperatura mais baixa do mundo.

Compartilhe essa notícia ✈️
0
Compartilhar
URL compartilhável
👀 Talvez você queira saber
0
Compartilhar