Falar com “voz de bebê” faz bem aos cachorros 9

Falar com “voz de bebê” faz bem aos cachorros

Um estudo publicado na revista científica Communications Biology, em agosto de 2023, concluiu que falar com voz de bebê para cachorros funciona. A pesquisa, coordenada por Anna Gergely, etologista do Centro de Pesquisas em Ciências Naturais da Hungria, sediado em Budapeste, encontrou semelhanças entre a maneira como os cachorros e os bebês observam a fala humana e respondem a ela.

O estudo foi realizado com 12 homens e 12 mulheres, que conversaram com adultos, crianças e cachorros, com entonações diferentes. Graças a tomógrafos portáteis e minimamente invasivos, os pesquisadores puderam observar reações naturais.

Os resultados mostraram que os cachorros apresentaram sensibilidade muito maior às vozes femininas, especialmente naquelas intencionalmente alteradas para ficarem parecidas com entonações infantis.

A explicação para isso é que os cachorros são mais sensíveis a sons agudos, que são característicos da voz de bebê. Além disso, a entonação infantilizada é frequentemente associada a situações prazerosas, como brincadeiras e afagos.

A pesquisa também mostrou que a voz de bebê ativa especificamente os giros silvianos do lobo occipital, que é responsável pela interpretação da visão. Isso sugere que os cachorros “veem” com mais facilidade quando o tutor usa a prosódia exagerada para evocar uma ação ou um objeto.

Os resultados do estudo sugerem que falar com voz de bebê pode ser uma estratégia eficaz para melhorar a comunicação entre tutores e cachorros. Além disso, a interação com os peludos faz muito bem para a saúde e o bem-estar dos tutores, como já foi identificado em outras pesquisas.

Compartilhe essa notícia ✈️
0
Compartilhar
URL compartilhável
👀 Talvez você queira saber
0
Compartilhar